domingo, 11 de setembro de 2011

Aquele...



E tem aquele sentimento. Aquele... Sabe? De que um dia aquele sorriso inquietante vai voltar, que as manhãs serão bonitas mesmo com todos os problemas, que as noites serão longas o bastante pra fazer você sentir saudades imensas mesmo que na verdade, seja apenas um abrir e fechar de olhos numa noite de luar. Sabem aqueles sorrisos bobos? São os melhores! Aqueles momentos em que o coração bate mais rápido e que a respiração se torna ofegante... Mesmo que me diga que não posso mais tê-los (coisas assim), eu ainda acredito que tudo pode voltar a ser uma esperança... Esperança de um futuro, ao invés de somente passado. Lembro-me do dia que um amigo me disse que “o passado, geralmente atormenta nosso presente e pode se transformar no nosso futuro...”. Deixo-me acreditar nisso, porque é melhor do que acreditar que agora só reina a futilidade. A vida vai seguindo, sem caminho certo, com curvas, buracos, serras, pedras, mas apesar de tudo, você sabe o caminho que vai te levar aonde você deseja estar, basta saber o caminho de volta até o ponto onde você tomou aquele desvio que te tirou da rota. Não posso dizer que é fácil, rápido, ou que vai valer a pena, mas prefiro tentar... Prefiro tentar e ver com os meus próprios olhos e sentir com o meu corpo as mudanças ocorridas no tempo em que estive no “atalho”. Vai ser tudo como antes? Eu realmente acho que não, mas mesmo tendo me tirado as esperanças e me dito pra seguir em frente, não há como não olhar para trás e ver a beleza dos dias... Os dias daquele sentimento. Aquele... Sabe?

Um comentário:

d. disse...

e dias assim se processam das formas mais diversas. um ano em um dia ou um piscar de olhos.